11 Receitas de Galinha À Cabidela + Inúmeras Versões Diferentes para Preparar

Prato que chegou ao país com os colonizadores, a cabidela é conhecida por seu sabor marcante e intenso.
11 Receitas de Galinha À Cabidela + Inúmeras Versões Diferentes para Preparar

A galinha à cabidela recebe esse nome devido ao seu caldo. O caldo é feito com o sangue da galinha e, por isso, tem uma cor bem escura e marcante. Além disso, é conhecido também em diversas regiões do país como galinha ao molho pardo.

Pensando nisso, trouxemos aqui a nossa receita de galinha à cabidela preferida. O preparo é simples, mas exige atenção para que fique bem suculento. Depois dela, selecionamos ainda outros sabores da galinha para abrilhantar, ainda mais, sua cozinha.

Receita de Galinha Cabidela Tradicional: Saiba Como Fazer

Rendimento
7 porções
Preparação
1 hora e 30 minutos
Dificuldade
Fácil
Ingredientes
  • 1,5 kg de galinha
  • 1 colher (sopa) de azeite
  • Sangue de galinha à gosto
  • 2 cebolas picadas
  • 1 tomate picado sem pele e sem sementes
  • cheiro verde à gosto
  • 500 ml de água
  • dentes de alho a gosto
  • sal a gosto
  • pimenta a gosto
  • coentro a gosto
  • cheiro verde a gosto

Modo de preparo

  • Corte a galinha em pedaços e limpe.
  • Acrescente o alho, a pimenta e o sal. Tempere a galinha.
  • Deixe descansar durante 1 hora.
  • Em uma panela, acrescente o azeite e a cebola para fritar.
  • Doure a cebola.
  • Acrescente o frango e refogue.
  • Coloque o tomate, a cebola, o coentro e refogue.
  • Acrescente a água e deixe cozinhar por 10 minutos.
  • Acrescente o sangue e mexa até incorporar. Atenção para não talhar.
  • Deixe cozinhar por mais 5 minutos.
  • Acrescente o cheiro verde por cima.
  • Está pronto para servir.

2º. Ao molho pardo

autor: Bisa Zeza

Nessa receita, o ingrediente diferente é o molho pardo.

O molho é feito diretamente com o caldo do cozimento da galinha. É acrescido dele o extrato de tomate, o tempero pronto de sabor frango e, em seguida, o sangue.

Depois é só deixar cozinhar durante 35 minutos que o molho fica consistente e o seu sabor marcante.

3º. Com batata

autor: Liliane JL

O ingrediente diferente dessa receita é a batata.

Além de muito nutritiva, o preparo dessa batata é simples. Seu cozimento é junto com o frango, o que faz com que ela absorva todo o tempero do caldo, ficando mais saborosa.

Ajuda também a dar uma consistência firme ao prato, deixando a receita muito mais completa.

4º. No fogão a lenha

autor: Receitas e Conservas do Nordeste

Como diz um bom mineiro, comida de fogão a lenha tem um gosto diferente.

E, de fato, tem. As panelas usadas no fogão a lenha dão à galinha um sabor diferente, além de acelerar o cozimento e, ainda, a possibilidade de manter o prato aquecido durante muito tempo.

Esta receita tem o preparo prático, embora demorado e, assim, é importante ficar atento aos tempos, sobretudo de cozimento.

5º. Falso

autor: Delícias da Dora

Essa receita da galinha a cabidela leva um molho falso.

Isso porque não é utilizado o sangue da galinha, porém, ainda assim, o caldo fica gostoso e consistente. O tempo de cozimento tende a ser um pouquinho maior e, assim, é importante ficar atento.

Usamos no preparo desse prato, além dos diversos temperos, o óleo, o açúcar e o frango sendo um prato econômico e saboroso.

6º. Com pimentão

autor: Receitas

O que dar o tom do tempero desta receita é o pimentão.

Usamos aqui o pimentão vermelho, que tem um sabor levemente adocicado e que se adapta a outros temperos e o amarelo, que fica entre o doce e azedo.

Esse mix de pimentão é uma excelente fonte de sabor e, o tempero da galinha faz com que todos os sabores sejam potencializados. É muito bom!

7º. Ao molho de Cebola

autor: Sirlei Lima um pouco disso um pouco daquilo

O diferencial dessa receita está no molho pardo que é puxado para a cebola.

Isso porque a cebola é caramelizada antes de ser incorporada ao frango. Porém é importante ficar atento ao ponto dela para evitar que ela queime.

Além de sabor, a cebola confere muita saúde ao corpo, por exemplo, o fortalecimento da imunidade, ajudando no combate à gripe e aos resfriados.

8º. Shoyu

autor: Mônica Silva

O shoyu é muito consumido em temperos de saladas no nosso país.

Nessa receita, ela vem para ressaltar o sabor da galinha. O molho é feito combinando soja cozida, sal marinho, água e trigo torrado.

Seu gosto é característico, tudo isso porque é fermentado durante seis meses.

9º. Com pimentão

autor: Cozinhando com Dona Elza

Nesta receita temos o pimentão verde como ingrediente chave.

O pimentão verde, quando comparado com os outros pimentões é o que tem o sabor mais amargo e intenso, o que dar um charme para a galinha.

A dica aqui é retirar as sementes e cortar, em pedaços médios, o legume, antes de levar para o liquidificador.

10º. Com fígado e moela

autor: Delicias da Josenauria

Essa receita leva como ingrediente complementar a moela e o fígado.

Ambas as carnes são macias e fáceis de preparar, inclusive, são muito consumidas no dia a dia por ter um valor mais em conta e por ornar com outros ingredientes.

Neste prato, são cozidas junto com as outras partes da galinha, incorporando o tempero delas e deixando as muito mais saborosas.

11º. Com açafrão

autor: Segredos das Mamys

O açafrão é uma planta medicinal conhecida também como cúrcuma.

Entre suas diversas ações estão a antioxidante, anti-inflamatória e, ainda, antibacteriana.

Além de garantir a saúde da pele e do couro cabeludo.

Nas receitas é usado como tempero, porém é recomendado pouca quantidade, já que seu gosto é muito intenso.

A galinha cabidela é um prato excelente para o almoço de domingo em família. Além de render muito, tem muito sabor e é econômico.

poste no pinterest esta imagem de receita de galinha-cabidela

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.